Translate

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Terceira pista posta em xeque

MEGACOLISÃO
Ao arrastar e destruir outros 12 veículos que estavam parados, um caminhão bitrem (com dois reboques), carregado com 31 toneladas de arroz, protagonizou um acidente impressionante ontem no final da manhã. O mega-engavetamento, que ocorreu na rodovia Porto Alegre-Novo Hamburgo (BR-116), paralisou Canoas por mais de três horas e produziu um congestionamento de mais de 15 quilômetros que se prolongou até Sapucaia do Sul.
Próximo ao ponto em que termina a terceira pista criada para desafogar o trânsito na BR-116, caminhão se desgoverna, colide em outros 12 veículos, provoca um engarrafamento de quase três horas e lança dúvidas sobre a segurança de alteração.
A sucessão de batidas aconteceu justamente onde foi instalada, há 50 dias, uma terceira faixa para dar agilidade ao trânsito no trecho, considerado mais crítico da região. O acidente gigantesco acendeu o sinal vermelho e coloca em xeque o maquiagem feita na estrada, que aboliu o acostamento e estaria pondo em risco a segurança dos motoristas.
A confusão se iniciou às 11h50min no sentido Interior-Capital, próximo à Estação Niterói da Trensurb. No trecho, a terceira pista termina em seguida e os veículos são obrigados a reduzir a velocidade para se ajustarem às duas faixas. O caminhão, no entanto, não conseguiu parar. O empreiteiro Marco Fonseca, 39 anos, que dirigia um Chevette, foi o primeiro a ser atingido.
– O trânsito parou, e a carreta tentou frear, mas não deu tempo de parar. O bitrem entortou. Ele andava na pista do meio e ficou igual a um joão-bobo, batendo e voltando. Nasci de novo – relatou.
Após bater no Chevette, o caminhão colidiu na traseira de um Gol, que ficou encurralado junto à mureta central e foi arrastado pelo veículo de carga, que bateu em outros seis carros, um furgão e outros três caminhões. Quando a carreta parou, o cenário era de destruição total. Apesar da violência, não houve mortes. Seis pessoas se feriram, mas nenhuma delas em estado grave. Elas foram encaminhadas para hospitais de Canoas e da Capital.
Polícia constata mais acidentes
Proprietário do caminhão, João Rosa disse que o veículo havia saído de Dom Pedrito e levaria a carga até Minas Gerais. Segundo ele, o motorista teria parado em Canoas para ver a família e iniciava a viagem.
Para a Polícia Rodoviária Federal, a pista extra criou um problema, pois o alargamento permite maior fluidez no trânsito e isso induz os motoristas a rodarem em alta velocidade. Segundo o chefe substituto da PRF no Vale do Sinos, Leandro Maciel, a nova pista passará por uma avaliação.
– Sentimos que houve um aumento do número de acidentes e que eles estão sendo mais graves. Com o acostamento, os motoristas tinham mais segurança, mas não tinham tanta fluidez. Isso terá de ser verificado – afirmou.
O relatório da PRF deverá ser encaminhado para o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O supervisor do Dnit no Vale do Sinos, Adalberto Pitta Pinheiro, afirmou ontem que, apesar do acidente, a ampliação da terceira faixa seguirá sem alterações (veja entrevista na página 5).
De acordo com ele, o prolongamento não foi executado em razão de um pilar do viaduto de acesso ao bairro Rio Branco, que obriga os motoristas a voltar a circular em duas faixas. O projeto, que está em planejamento, prevê o afastamento das muretas centrais para dar mais espaço e segurança aos veículos.
Fonte: zero hora: gustavo.azevedo@zerohora.com.br , 22/07/2010

31 comentários:

ONG ALERTA disse...

A Br 116 é um caos em todo país, precisamos ouvir os engenheiros de trânsito e fazer uma fiscalização mais dura, para tentar mudar algo neste caso. ATITUDE É TUDO...

Amor feito Poesia disse...

Todas as coisas têm o seu mistério, e a poesia é o mistério de todas as coisas.

(Frederico Garcia Lorca)


Feliz dia!!Saudações poéticas M@ria

"Hamilton H. Kubo - Profundo Pensar" disse...

Esta coberta de razão Lisette.
Na verdade a atenção deve ser dada em período integral, e não tão somente qdo atrocidades como estas ocorrem...

Paulo Braccini disse...

Agradecendo e retribuindo o carinho da visita ... gostando de estar por aqui ...

bjux

;-)

Mariana disse...

é inadmissível q este caos tem aumentado diarimente, e não há solução.
Ontem foram 15 carros, alguns totalmente destruido, e qd este nº for vítimas fatais?
falta responsabilidade e ação d todos.

Luxo de Pink disse...

Lisette, muito obrigada pela visita;) Que bom que gostou!
Sinto mt pela sua filha...mais um jovem se foi essa semana em um triste acidente com o filho da Cissa...mto triste!
Bjosss

Daniel Costa disse...

Lisette

Ler o teu texto e voltar a olhar a amálgama da carros, pode falar
-se em mega.... mega colisão. Depois de ver isso, o inevitável engarrafamento diria ter sido o mal menor.
Beijos

Nilce disse...

Oi, Lisette

O trecho que usamos aqui no Paraná da 116, entre o trevo que dá acesso à nossa cidade e Curitiba é um dos mais terríveis.
Apesar de pequeno, nos primeiros 30Km, só temos pista no pedaço do pedágio, o resto...
Quando se entra na região Metrpolitana de Curitiba, o asfalto é bom. Em compensação o trânsito é PARADO. Isso mesmo, 20 km que com muita sorte de horário, você faz em duas horas.
E ninguém toma providência alguma.
Acidentes diários, vidas perdidas e rodovia pedagiada.
O que fazemos?
Pedimos socorro para quem?
Desculpe o desabafo.

Bjs no coração!

Nilce

lucidreira disse...

E de quem é a culpa??? Das melhorias ou dos motoristas!!!
Abraço

Marilu disse...

Minha querida amiga Lis, escrevi no meu blog sobre Mães Orfãs, e não tinha idéia que você era uma delas, sinto muito minha querida pela perda irreparável da sua filha.Te agradeço por ser sempre estar comentando, e em especial a esse último comentário. Beijos em seu coração.

lili LARANJO disse...

LISETTE

ong Alerta
Lisette
Sempre contigo nas minhas orações


um beijinho grande amiga.

Sandra Botelho disse...

A situação do transito no Brasil é desesperadora.
Bjos

Hod disse...

Oi Lisette,
A configuração das pistas da 116 no trecho metropolitano dos anos 60 ainda é a mesma... Esta rodovia neste trecho deveria ter no minimo 10 pistas, lembrando que o acostamento é a propria pista.
A demanda do fluxo é assustadora.

Abraços.

Entre o Real e o Virtual disse...

Que horror!!! Eu nem fiquei sabendo desse acidente. É um milagre não ter havido feridos graves ou mortes.
Beijos.

Graça Pereira disse...

Olá Lisete
São impressionantes estes desastres...Ontem, aqui no Norete na estrada Nacional 222 houve um aparatoso acidente: Um camião carregado com toneladas de vidros(Não sei se perdeu os travões...) abalrou 5 viaturas...Quando vi as imagens na TV pensei logo: morreram todos! Pois 5 feridos ligeiros...os anjos estavam com eles e uma das senhoras até teve de ser desencarcerada....há dias felizes, ainda assim.
Beijo
Graça

Valéria Sorohan disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Valéria Sorohan disse...

Embora atenta às análises das causas, e da triste realidade foi o lado clamoroso com que escreves, que mais mereceu a minha atenção.

BeijooO

soninha disse...

Ainda bem que não houve vítima fatal,mas a 116 é um caos e nada é feito tem que acontecer tragédias para autoridades tomarem providências???

ValériaC disse...

Que horror de acidente...algo precisa ser feito mesmo...
Querida, tenha um ótimo final de semana!
Beijos
Valéria

Poesia Portuguesa disse...

Credo... e ainda se fala no trânsito em Portugal!!

Rosemildo Sales Furtado disse...

É lamentável, mas um dia a coisa melhora. Quando, é que ninguém sabe.

Beijos e ótimo final de semana.

Furtado.

Marilu disse...

Querida tenha um lindo final de semana...Beijocas

Luciana disse...

Oi Amiga
Passando pra te desejar um ótimo fim de semana.

Bjs

Victor Zanata (Exilados do Paraíso) disse...

Impressionante como aumenta a frota de veículos na inversa proporção dos investimentos da malha viária.
Parabéns pelo trabalho.

Michelle Lynn disse...

Que absurdo. As fotos são chocantes.
Muita paz!
bjoss
Mi

ANTOLOGIA POÉTICA disse...

Quando uma poesia
Penetra em sua alma
Ela vai alem do olhar!

Ana Beatriz Nascimento


BOM FDS com amor e poesia!! M@ria

Livinha disse...

Estive no blog da Mariana, quando lá vi postado toda essa lamentação...
É tudo tão simplesmente triste que a gente fica sem ação.
Na vida tudo a deriva, sem controle, colisão, o mundo se dando a perdas, sentimentos que se vão
Irmãos que país será este, onde o egoismo e a ignorância ainda prevalece?
tantos sentimentos, tantos sonhos destruidos pela falha humana e nada se faz pelas vidas que se vão perdidas, com tanta história ainda por narrar...

Feliz vida pra você minha amiga
sem mais palavras...

bjs

livinha

Serge Cornillet disse...

Viva la libertad, la educación, la expresión libre, el pueblo listo e informado, justicia para el pueblo!!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga Lisette

Hoje estou passando para agradecer
a sua amizade.
Amizade que torna a vida preciosa.
Que enche de cores as minhas palavras.
Que me faz ainda mais feliz,
com o afeto distribuído
a cada visita,
a cada comentário
e a cada palavra escrita
no livro dos meus dias.

Sua amizade me faz melhor.

Tatiana disse...

É realmente um caos a falta de fiscalização e construções mais adequadas de nossas estradas por todo o país!

Um beijo com o meu carinho

Everson Russo disse...

É complicado que não se tom providencias nesses casos...b.eijos de otimo final de semana pra ti.