Translate

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Trânsito mata mais de 40 mil em 2010

De acordo com o Ministério da Saúde, o número de mortes no trânsito quase triplicou em nove anos .

Segundo aponta o SIM (Sistema de Informações de Mortalidade) do Ministério da Saúde, os dados de 2010 revelam que 40.610 pessoas foram vítimas fatais do trânsito, sendo que 25% delas, por ocorrências com motocicletas. Em nove anos (de 2002 a 2010), a quantidade de óbitos ocasionados por acidentes com motos quase triplicou no país, saltando de 3.744 para 10.143 mortes.
De acordo com o SIM, entre 2002 e 2010, o número total de óbitos por acidentes com transporte terrestre cresceu 24%: passou de 32.753 para 40.610 mortes. Entre as regiões, o maior percentual de aumento na quantidade de óbitos (entre 2002 e 2010) foi registrado no Norte (53%), seguido do Nordeste (48%), Centro-Oeste (22%), Sul (17%) e Sudeste (10%).

“Os números revelam que o país vive uma verdadeira epidemia de lesões e mortes no trânsito”, alerta o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Ele observa que a OMS (Organização Mundial da Saúde) aponta que o Brasil ocupa o quinto lugar em ocorrências como essas. “Estamos atrás apenas da Índia, China, EUA e Rússia”, completa.
Nesta quinta-feira, dia 03, o Supremo Tribunal Federal decidiu, por unanimidade, que o motorista que dirigir alcoolizado está cometendo crime, mesmo se não causar danos a outras pessoas. “Este é um grande avanço e certamente vai contribuir para a redução das tristes estatísticas no trânsito, principalmente em um momento que o país vive esta epidemia de lesões e mortes por acidentes", diz o ministro.

"A decisão do Supremo fortalece a posição do Ministério da Saúde em apoiar uma fiscalização mais rigorosa no trânsito”, reforça Padilha.

38 comentários:

ONG ALERTA disse...

Infelizmente nada é feito para mudar esta realidade no Brasil!!!
E querem fazer a copa do mundo para isso tem dinheiro...

Thaís Livramento disse...

Ainda há quem diz este tipo de 'reação' das autoridades é cultural. Esta é a forma mais ignorante de se manifestar com pouca importância para assuntos que é problema NOSSO.
Fico 'P' da vida!
Beijão,
TL.

Desnuda disse...

Querida amiga,

Dinheiro é sempre a desculpa para omissão e falta de interesse. A decisão do STF acho muito acertada.

Beijos com carinho e bom fim de semana.

Carla Fernanda disse...

Um absurdo meu Deus!! Quantas vidas...se vão em vão???
Beijos

iduarth disse...

Aumentaram a quantidade de carros e motos, mas não houveram as melhorias correspondentes para o transito nas estradas e centros urbanos.
Obrigada pelo gentil comentário. Beijos

Livinha disse...

Um absurdo lisette, parece o fim dos tempos, tantas mortes e tantos corações entristecidos...
Que país é esse, dos que se dizem conscientes, mas nada faz por manter viva a vida...

Feliz fds pra ti

bjs

Livinha

Magia da Inês disse...

♡°
º✿
º° ✿✿♡°
Olá, amiga!
Bom fim de semana! Com um trânsito mais calmo.
Beijinhos.
Brasil
º✿
º° ✿✿♡°

Everson Russo disse...

Infelizmente entra ano e sai ano e essas estatísticas nunca melhoram,,,beijos de bom final de semana pra ti amiga.

Glória Maria - Fadinha disse...

Não estou nada otimista. Pelo que ando lendo e vendo, as coisas só estão piorando, infelizmente. Fique com Deus e tenha um bom fim de semana. Bj grande

Vera Lúcia disse...

Olá Lisette,
Gostei da decisão do STF. Dela poderá advir alguma cautela por parte desses irresponsáveis que assumem o risco de matar ao dirigir alcoolizados.
Tenha um ótimo final de semana.
Beijos.

Maria José Rezende disse...

Olá Lisette. Infelizmente nossos governantes não estão preocupados com essas mortes. Beijos.

Maria disse...

Querida amiga quantas vidas perdidas, em Portugal também é uma dura realidade.
Que o seu fim de semana seja pleno de paz e serenidade.
Beijinhos
Maria

Luna Sanchez disse...

Assustadoramente real.

Um beijo, Lisette.

Vanessa_Oliveira disse...

Chocada !!!
espero que alguém enfim tome alguma providencia para mudar isso tudo.
Beijos ***

Toninhobira disse...

NUmeros de uma carnificina.Aprovação da Lei é um instrumento que pode facilitar o processo educacional.
Bom fim de semana amiga.
Meu abraço terno de paz e luz.
Bju.

Poesias Partidas disse...

Passei para deixar um forte abraço e desejar um ótimo final de semana. Parabéns por todas as informações que teu blog nos dá.

Marcos Alderico

Jorge disse...

Pouco a pouco a legislação vai se aperfeiçoando. Pelo menos isso. Mas o que mais se precisa é despertar a consciência do motorista. E creio que ela deva começar no lar, desde a infância.

Um beijo!!!

Cidinha disse...

Olá amiga. Bom domingo! È lamentável toda essa situação de desrespeito ao ser humano que também tem direito ao espaço de ir e vir. Bjos e todo carinho pra vc!

Sueli disse...

Assustador...quando esta situação vai realmente mudar?!
Abraços, Sueli

Jacqueline disse...

Olá, boa noite,
Vim agradecer e retribuir a visita e comentário em meu blog. Parabéns pela iniciativa de usar de uma experiência dolorosa para trabalhar com conscientização e prevenção de acidentes. Desejo sucesso ao projeto!
Um grande abraço, Jacqueline.

Van disse...

essas estatísticas sempre me deixam desesperançosa de uma diminuição, só aumentam a cada ano.

Um beijo e boa semana, Lisette

Michelle Nazar disse...

O que me deixa triste é o não-enfrentamento dessa violência e nem de nehuma pra ser mais sincera... Que bom que você continua mostrando posts importantes sobre a temática! Bjks querida!

O Árabe disse...

Números terríveis... terrível realidade! :( Boa semana, amiga.

Camila Monteiro disse...

Ai, fico pensando sempre assim, legal criarem leis, e apoiarem e coisa e tal, mas quem fiscaliza para se fazer cumprir tudo isso?!
É essa parte que desanima né?! Temos leis maravilhosas, mas ninguem nem sabe delas!
Espero de coração que isso mudeum dia viu!

Beijão!

Vivian disse...

Olá,Lisette!!

Até quando será assim?!!Quando que as pessoas vão aprender a valorizar a vida?!!Que coisa,né?!!
beijos pra ti querida!!
E a nossa parte vamos fazendo!

Dois Rios disse...

A decisão do STF já é meio caminho andado diante de tanto descaso com a vida.

Vi o vídeo "Vidas Ausentes" e fiquei muito tocada com os depoimentos. Tenho uma irmã
que também perdeu seu único filho há 9 anos atrás e até hoje está juntando os cacos do terremoto emocional que sofreu.

Sou solidária a você e a todos que sofrem a dor dilacerante de perder um ente querido.

Abs,
Inês

Luciana Mira disse...

é m absurdo né?!

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para deixar um beijinho com carinho e desejar uma semana de paz.

Sonhadora

。♥ Smareis ♥。 disse...

Acredito que o número de mortes no trânsito vai aumentar ainda mais. A lei é muita fraca, ninguém liga pra nada, o dinheiro compra tudo.Quem sofre são a família da vítima. Beijos e ótima semana.

Eva disse...

A decisão do STF é uma esperança que depois de tantas perdas, melhore um pouquinho, basta cumprir e não ter mais jeitinho na hora que flagrar o descumprimento da lei, o assunto é seríssimo e deve ser encarado como tal, antes que ocorra o pior, depois não adianta lamentar e há culpabilidade sim, não só de quem faz mas das autoridades que fazem vistas grossas para esse caos instalado entre nós, o da irresponsabilidade e impunidade, muito triste isso,porque não tem volta, estamos pagando com vidas, absurdo total.bjos.

**£ú® disse...

Passando prá dizer que ainda estou viva e que finalmente coloquei post novo no meu Blog...O PERDÃO...espero vc lá...bj...**£ú

Graziella disse...

Nossa!!!!
Que número absurdo... não dá nem p acreditar... Quantas vidas perdidas!?!?

Sônia Silvino disse...

Falham as autoridades e falham os motoristas imprudentes e irresponsáveis. Muito triste!!!
Beijos, querida!

Marinha disse...

Dois pesos e duas medidas, não é?
Bjo e paz pra ti.

αmαndα cristinα ツ disse...

Um absurdo! Quantas vidas indo embora e o país não liga... Inteligência mínima e descaso total com a sociedade em geral.


Beijinhos, Amanda Cristina.
www.primeiro-livro.com

Celina disse...

Oi querida amiga, agradeço a visita amável, tudo de bom para ti. Aquí está um caso sério os acidentes de moto, é raro o dia que não encontramos um acidente, nos deixados tristes os hospitais 80% dos leitos dos hospitais estão sendo ocupados por motoqueiros, o governo está fazendo comerciais de conteúdo forte para ver se para.Paz Celina

Patrícia disse...

E eu achei que já era considerado crime... pena que a fiscalização é praticamente 0!

ॐ Shirley ॐ disse...

Pena que, em alguns setores, o Brasil caminhe a passos tão lentos. Um beijo no coração, Lisette!