Translate

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Homem morre em acidente entre dois caminhões na BR-376, no Paraná

O veículo que ele conduzia bateu na traseira do outro caminhão e pegou fogo.
Pista ficou bloqueada por uma hora e fila de carros chegou a 3 km.

O veículo que ele conduzia bateu na traseira do outro caminhão e pegou fogo.
Acidente caminhão (Foto: Reprodução RPCTV)
Um dos caminhões pegou fogo depois do acidente
(Foto: Reprodução RPCTV)

Um homem morreu nesta quarta-feira (18), em acidente entre dois caminhões na BR-376, no trecho entre Curitiba e Ponta Grossa. O veículo que ele conduzia bateu na traseira do outro caminhão e pegou fogo, sendo necessária intervenção dos bombeiros para controlar as chamas.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 14h30 no km 510 da rodovia, e deixou o trânsito interditado no local por uma hora.Justificar

Por volta das 16h30, mesmo com a pista liberada, a fila de carros passava de 3 km.
Fonte: g1, 18/05/2011

28 comentários:

ONG ALERTA disse...

Campanhas para tränsito seguro, luzes dos prédio para diminuir acidentes e açóes de verdade??? Nada!!!
Nossas estradas um caos!!!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Lisette
Lamentável, mas já está virando rotina acidentes com caminhões em nossas estradas.
Boa noite
Bjux

Sam. disse...

só quem viaja de carro mesmo pra saber as imprudências que esses motoristas de caminhões aprontam... pensam que só porque são grandes, nada pode acontecer... taí o resultado!

lamentável!

Um beijo, Lissete!

M. disse...

E ninguém se apercebe da perda...Haverá mais:(

Rosane Marega disse...

Realmente é um transtorno e vidas se vão e nada é feito.
Beijos Lisette

* Verinha * disse...

De fato as imprudências e a má conservação e a falta de sinalização nas estradas tem causado muitos acidentes e causado tantas vítimas.. lamentável isso.

Um beijo em seu coração Lisette!

Mafia Sonora disse...

Aqui nas saídas de Brasília são muitos acidentes com caminhões, principalmente os mais antigos e mal cuidados.

Toninhobira disse...

Fica aqui a pergunta, por que bateu no fundo do outro caminhão.Distancia segura? falta de freio, velocidade no limite? Enfim, nossas estradas são verdadeiros açougues a céu aberto.QUe Deus nos proteja sempre amiga.Abraço de paz.Bju de luz nos seus dias de paz.

Vera Lúcia Duarte disse...

Olá,
TUDO DE GRANDE IMPORTÂNCIA POR AQUI.
AGRADEÇO A VISITA E POR TORNAR-SE SEGUIDORA DO MEU RECANTO.
JÁ ESTOU TE SEGUINDO.
ABRAÇO.

Ângela Coelho disse...

Lisette, eu respeito muito os caminhões pois um amigo que foi motorista de caminhão me disse que é muito difícil o caminhão ser freado qdo está carregado, então eu saio da frente sempre.
Será que o motorista do carro não teve um mal subito?
A violência no transito está cada vez aumentando mais.
Beijos.

Tais Luso disse...

Cara Lisette, seu blog - como bem diz - é um alerta, um grito numa multidão que não se sabe mais quem é quem, quem faz o quê, quem são os irresponsáveis num tal atira pra cá e atira pra lá. Enquanto não se cumprirem as leis que aqui estão, menos se cumprirão as novas que estão sempre por chegar.
Tudo virou bagunça e irresponsabilidade. E assim caminhamos nós... famílias perdendo seus filhos, pais... E tudo continua igual: gente bebendo e dirigindo, nossas estradas esburacadas e mal sinalizadas, veículos caindo aos pedaços e continuando a rodar e a impunidade a mil.

grande abraço.
Tais Luso

Flor da Vida disse...

Mais uma vida que se vai vitimada pelas estradas assassinas...
Isso é lamentável!

Amada, carinhos pra ti, viu?
Beijos

Solange disse...

triste..mas muitas vezes, esses motoristas tomam rebite pra dar conta do horário de trabalho..e não se dão conta do que podem causar pra uma vida e consequentemente toda a família.

bjs.Sol

Renato Baptista disse...

Amiga...
Publiquei nos meus blogs esta crônica que é um alerta máximo... se você achar que pode divulgar, agradeço, porque a coisa está feia mesmo.

Abraços*
Renato Baptista

Parece que precisa acontecer uma catástrofe para que as autoridades Brasileiras tomem uma atitude. Se é que vão tomar, porque assim que sair da mídia a notícia que um menino foi assassinado no Campus da USP em São Paulo, porque reagiu contra assaltantes que queriam roubá-lo, tudo desaparece e fica por isso mesmo até que aconteça de novo e de novo.
O fato é que o crime está em constante mutação e os bandidos vão procurando novos caminhos, e parece que roubar estudantes que tiram dinheiro em caixas eletrônicos e ostentam carros novinhos nos campus das universidades é tarefa fácil para os bandidos. E isso porque não existe policiamento e a segurança interna desses lugares é absolutamente nula.
Na verdade não é fato novo, porque sabemos bem o que acontece na UNICAMP já há algum tempo. Lá os meninos são assaltados diariamente, carros são roubados e há sequestros relâmpagos com estupro de meninas estudantes. Campinas não é brincadeira e sabemos que existe um cartel do tráfico de drogas por lá e isso leva a assaltos, tráfico de armas e tudo o mais que faça o dinheiro aparecer para sustentar o “negócio” desses contraventores.
O que mais impressiona é que existe uma reação contra qualquer tipo de idéia de policiamento mais efetivo por parte de alguns grupos de alunos, principalmente os que dominam os centros acadêmicos e os que são residentes no Campus. São estes os que têm família de menor poder aquisitivo e, portanto, ganham guarida gratuita nas acomodações do Campus.
É óbvio que esses meninos promovem festas e tudo o mais que sabemos, como pais experientes, enquanto moradores efetivos e não vão admitir nunca que haja qualquer tipo de policiamento que esteja de olho neles e em todo o resto.
Então esses Campus ficam à mercê de bandidos que agem como querem e fazem o que querem, pois de acordo com a lei, a polícia não pode entrar nesses ambientes estudantis desde a época da ditadura, quando essa lei foi criada para proteção dos alunos.
Só que os tempos mudaram, a sociedade é outra e vivemos uma democracia, e portanto devemos cuidar dos nossos filhos que acabam por se misturar a gente que só pensa em baderna ao invés de estudar. Sendo assim a briga é grande porque esses meninos usam do direito de greve e reação descomunal sem saber que a proteção deles é o que mais importa.
Sabemos que quando temos essa idade, achamos que nada de ruim acontece com a gente, só com os outros, fora que predomina a liberdade de ação já que estão livres dos olhos dos pais e da família enquanto moram por lá. Resta saber se as autoridades competentes como o Governador do Estado, o Secretário de Segurança, a Polícia em si, ou seja lá quem for não vão tomar uma atitude para coibir o que parece estar já disseminado.
Quantos assassinatos, sequestros, estupros, terão que acontecer ainda para que aja uma reação de alguém ou de alguma entidade do poder público? Vamos deixar que a opinião baderneira de meia dúzia de meninos inexperientes comande a segurança e comprometa a vida de milhares de outros estudantes?
Morreu um rapaz ontem na USP, outros foram assaltados e correram risco de vida... outros sofreram atentados e todo mundo fica quieto e deixa por isso.

Vai em 2 partes pq não cabe inteiro aqui...

Renato Baptista disse...

... continuando...

Quero saber o que diz o Reitor da Unicamp, o Reitor da USP. Quero saber até onde vai chegar isso. Não é possível que meninos recém-saidos das fraldas imponham algo como se fossem “revolucionários” sem pensar nos outros e façam frente à segurança efetiva de milhares de outros que estão lá para estudar.
Bandidos, assassinos, estupradores e traficantes estão andando à solta no meio dos nossos filhos nos campus das universidades, a ponto de assaltarem os meninos na fila do bandejão da UNICAMP na hora do almoço, na frente de todo mundo. E isso a imprensa não noticía porque abafam, escondem. E digo isso tendo provas testemunhais dos meninos envolvidos e que tiveram celulares roubados, carros roubados e forma sequestrados lá dentro do Campus..
Que fique o alerta máximo e que se tome uma providência antes que seja tarde demais. Ou será que ficará tudo por isso até o próximo assassinato?


Renato Baptista

Lilá(s) disse...

Mais um brutal acidente!
Bjs

Rosemildo Sales Furtado disse...

Imprudências e estradas em péssimas condições. Acidentes e mais acidentes e nenhuma providência, isso porque as autoridades, sempre omissas e dementes.

Beijos e muita paz pra ti.

Furtado.

Nuestro Cielo disse...


Boa noite, Lisette!

Nós, Wilson e Sanzinha, viemos avisar que agora nós escrevemos juntos em um novo blog, o Nuestro Cielo. Como sua amizade é importante para nós e não queremos perder o contato, pedimos que você nos visite em nossa nova casa e nos siga lá. Segue o link:

http://lonuestrocielo.blogspot.com/

Já estamos te seguindo com nosso novo perfil. 
Os blogs "Bom Ruim Assim Assim" e "Jardim Secreto de Sanzinha" serão excluídos. Pode até excluí-los de sua lista de visitas.

Então é isso! Esperamos você em nossa nova casa!

Um beijo grande e um abraço apertado!

Wilson e Sanzinha.

Brasil Desnudo disse...

Bom dia, querida Elizette!

Obrigado pelo carinho deixado lá no Desnudo!

Quanto ao seu post!

Eu conheço essa rodovia, e esse trecho entre Curitiba e Ponta Grossa,´´e muito perigosa a rodovia, onde vemos diversos acidentes na mídia todos os anos...
Lamentavelmente as autoridades não tomam nenhuma providência e, os motoristas continuam com sua imprudência insana!

Um lindo dia pra ti, Lizette...

Bjs

MARCIO RJ

Andy Santana disse...

Um ex namorado da minha prima, morreu assim, foi horrivel...

Bandys disse...

Campanhas para tränsito seguro, luzes dos prédio para diminuir acidentes e açóes de verdade??? Nada!!!
Nossas estradas um caos!!!

Concordo!

beijos Lizette.

Jorge (Nectan) disse...

Trágico mesmo. Estradas ruins, sinalizações deficientes, carros com problemas e motoristas descuidados são convites a desastres.
Muita coisa para ser aperfeiçoado, mas sem o aperfeiçoamento do homem, nada vai para frente.

Um beijo, Anjo!

Dri Andrade disse...

Poxa, a gente vê nitidamente que não adiantam tantas campanhas de trânsito. É preciso ter conscientização pessoal.Querer guardar-se e guardar outrem.

beijos queridona, bom fds

Smareis disse...

Os acidentes aumentam a cada dia.Muitas imprudências e pouca fiscalização. As estradas estão em péssimo estado em algumas rodovias. Os governantes não se importam porque eles andam é de avião.Um abraço e ótimo fim de semana.

Mulher na Polícia disse...

A sociedade não pode mais ignorar o número de mortes no trânsito. Cada um de nós pode fazer a sua parte e salvar muitas vidas.

Esse blog tem meu apoio.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Mais uma história
de alguém
que se foi antes do tempo.

Até quando?

Que as estrelas
sempre brilhem em teu olhar.

Carla Fernanda disse...

Obrigada pelos votos de felicidades querida.
A vida e seus acidentes, infeliznebte alguns previsíveis querida e pouco podemos fazer.
Beijos!
Carla

Thiane farias disse...

obrigada flor pelo carinho e visitinha ja estou seguindo bjs;)