Translate

domingo, 9 de janeiro de 2011

Duas mulheres e uma criança morrem em acidente na Capital

Veículo onde estavam as vítimas colidiu contra um poste na Avenida Teresópolis, no cruzamento com a Rua Costa Lima
Foto:Diego Vara

As vítimas foram identificadas como Ana Rita Gurski Sniadower, 36 anos, que dirigia o carro, a filha dela, Gabriela Gurski, de 10 anos, e a irmã de Ana Rita, Débora Gurski Herbert, de 32 anos. Segundo informações preliminares, as três estariam saindo de um almoço com familiares na associação da CEEE, situada no bairro Ponta Grossa, para levar a criança, que teria machucado o olho com areia, ao hospital.
Segundo a Polícia Civil, a perícia constatou que Gabriela estava no banco de trás do carro e não usava o cinto de segurança no momento da colisão.
As duas irmãs eram pedagogas e trabalhavam em colégios particulares da Capital. Ana Rita era diretora do colégio La Salle Dores e Débora trabalhava como coordenadora pedagógica do Colégio Marista São Pedro.
O velório será realizado a partir desta noite na capela da Fundação Pão dos Pobres.

Duas mulheres e uma criança morreram em um acidente de trânsito nesta tarde no bairro Teresópolis, em Porto Alegre. O veículo Renault Sandero, onde estavam as vítimas, colidiu contra um poste na Avenida Teresópolis, no cruzamento com a Rua Costa Lima.

Fonte: ZEROHORA.COM, Atualizada às 21h48min


39 comentários:

ONG ALERTA disse...

Postes a beira de ruas, avenidas sem recuo matam, um carro se colidir a 40km ou 60 km por hora em um poste mata, em Porto Alegre a 3 anos foi colocado um poste de fibra para teste e até agora nada aconteceu, minha filha morreu em um acidente assim e descobri que náo existem normas para colocaçáo de poste...simplesmente sáo colocados...

soninha disse...

Que tristeza,tres vidas perdidas...
Muita luz para a família.

"(H²K) - Hamilton H. Kubo" disse...

Como mencionado no post anterior.
Somos vítimas não só do acaso, como também vítimas de uma engenharia pouco preparada.

Beijos

Daniel Savio disse...

Realmente um triste acidente...

Mas para criar algum lei, basta o povo fazer a sua voz presente e cobrar aos politicos.

E bem como entendermos (para por em pratica a direção defensiva).

Fique com Deus, menina Lisette.
Um abraço.

ღPat.ღ disse...

Lisette, nem sei o que dizer diante de uma situação dessas...

Ultimamente tenho prestado muita atenção nos teus posts e tenho ficado cada vez mais triste com a falta de responsabilidades de todos os lados.

Faz dois meses que minha avó de 80 anos saía de casa para ir ao salão de beleza fazer as unhas, ao atravessar a rua no sinal favorável à ela, foi atropelada por um carro que furou o sinal vermelho. Levou 28 pontos na cabeça, 43 no corpo e 8 no supercílio... o cara fugiu deixando-a no chão inconsciente. Pessoas no momento do acidente chamaram o siate. Sabe como descobriram quem ela era? Levava no pulso uma tira de identificação que eu fiz para quando saísse sozinha de casa.. pois sua bolsa com documentos foi arremessada e não foi encontrada. Ninguém pegou a placa. Só está viva porque não chegou sua hora de ir, graças à Deus!

Um beijo.

Livinha disse...

Tá tudo errado. Sempre as ditas causas, promovendo esses efeitos que nos dilacera o coração...

Esse é o nosso país

Bjs

Livinha

Blog da Fofa disse...

Nossa que tristeza para a familia. Deveríamos reivindicar normas para a colocação dos postes. A perda já é um sofrimento muito grande, ainda mais quando envolve criança. Beijo linda. Fique com Deus.

Tania T. disse...

Não existem normas para colocação de poste? :O

Isso é um absurdo!

Tinha que existir!!

bjoo

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

ACIDENTES COISA HORROROSA QUE EU NUNCA ENTENDO,NO MEU CARRO NINGUÉM ANDA SEM CINTO PORQUE EU COBRO ASSIM QUE A PESSOA ENTRA NO CARRO, OU USA OU DESCE DO CARRO SOU RADICAL NESSE PONTO!
BOA SEMANA LISETTE
BEIJO

Everson Russo disse...

BEijo super carinhoso de bom dia,,,otima semana cheia de paz e muita poesia.

Flor da Vida disse...

Mais vidas que se vão precocemente... Isso traz uma profunda tristeza... Amiga, deixo carinhos pra ti, e um abraço de ótima semana... Bjsss

Vivian disse...

...muito triste, e sempre
corriqueiros acidentes
pela vida das cidades!

bj, querida!

Daniele Barizon disse...

Uma pena. Mais um lamentável acidente que talvez pudesse ser evitado. Obrigada sempre pelas informações que nos posta, Ale.

Bjs,

PauloSilva disse...

São notícias destas que todos os dias abalam os sorrisos do mundo.

Karlinha Ferreira disse...

É complicado ver o número absurdo de vidas que se vão em acidentes de trânsito, muitas delas nem começaram a viver ainda e ja tem a vida arrebatada...

Triste...

O Árabe disse...

Mais uma triste notícia. Em que novo ano venceremos a nossa própria insensatez? :(

vidaslife disse...

Que tristeza, Senhor quanta desgraça a maioria das vezes por imprudência nossa mesmo, que muitas das vezes entramos no carro e não colocamos os cintos de segurança atraz, so no banco do motorista. Paz para você querida e beijos no coração.

::Tetê:: disse...

Oi Lisette! Que bom encontrá-la mais uma vez no Gotas de Sabedoria! Fiquei muito feliz com sua visita! Eu já vi uma avenida ser ampliada, a calçada diminuida e os postes ficarem literalmente na rua por meses... é um absurdo! Acabo de atualizar e, como sou feliz quero vê-la feliz, também! Bjks Tetê

willian torres disse...

Sou aluno do colégio, fui no velório e enterro, tudo foi muito rápido e triste, todos ficamos sabendo muito de pressa, coisa triste, a Ana Rita, diretora do La Salle Dores, meu colégio, era ótima, querida, atenciosa, se preocupava com todos, sempre quis o bem de todos, uma mulher incrível, peço que rezem pela outra filha da Ana, que já havia perdido o pai, e agora a mãe e irmã, desejo pra ela tudo de melhor, e sinto muito, muito mesmo, fiquei extremamente triste por isso, mas bola pra frente que a vida continua, ela é feita de fracassos, tristezas, alegrias e muita coisa, temos que saber lidar e continuar... rezem por elas, que são pessoas ótimas, convivia diariamente e sei disso! obrigado pelo apoio de todos!

Lilá(s) disse...

Três vidas tão jovens! que triste.
Bjs

Priscila Rodrigues disse...

Nossa, que horror.

Deveriam rever isso, talvez seria melhor postes mais afastados mesmo.

Eu nem saberia por onde começar a defender isso.

Beijão, Lisette, fique com Deus.

Toninhobira disse...

É amiga nao se preocupa com os processos e vidas sao ceifadas.Pessoas nao se educam,e vidas sao levadas, flores em beira de estrada.Quando teremos um basta para tantas mortes que poderiam ser evitadas.Meu abraço de paz.

brasildobem.net disse...

Que tristeza essas mortes, quando li hoje na ZH fiquei comovida, meu Deusa do céu!

Celina disse...

E amiga é uma triteza, quando termina, as viagens de qualquer feriadão, vem ar morter e feridos nem numa guerra mata tanto.Quero agradecer a bonita mensagem, Deus te abençõe, com a sua benção traga paz, saúde e muitas esperanças, no decorrer do ano que se inicia.Um abraço carinhoso, Celina.

Everson Russo disse...

Um belissmo dia pra ti querida amiga,,,paz e carinho sempre...beijos e beijos.

Malu disse...

Lisette,

Sem palavras.
Realmente muito triste , ...




Bjo e uma Semana Iluminada.

Amapola disse...

Boa tarde, querida amiga.

Que triste!! Eu imagino a família delas... Que Deus conforte todos com a sua misericórdia.


Beijos no coração.

I know my children. disse...

Lamentável! Mas imaginem se em vez de um poste na calçada, fosse uma criança que esivesse ali, naquela hora?!

Mari Amorim disse...

Gostei de vir aqui e ler-te,saio feliz!
Desejo que seus dias,sejam iluminados pela essência Divina,com Boas Energias Sempre!
Abraços
Mari

Lau Milesi disse...

Muito triste. Perfeitas, Lisette, suas reivindicações. O prejuízo(sem contar as vidas e não há preço) causado pelos acidentes é de milhões portanto, o custo para modernizar nossas vias, nossas estradas, seria mais do que justo. Em relação ao seu post,lamentavelmente, as pessoas não se conscientizam-um aburdo- que o cinto de segurança pode salvar uma vida. Além disso a falta de direção defensiva que, na minha opinião, deveria ser obrigatório nas autoescolas , colabora muito para os acidentes.

Um beijo, Lisette, e admiração de sempre.

Sônia Silvino disse...

Mais perdas e assim será... infelizmente!
Beijinhos, querida!

Nilza disse...

Oi querida: passando para agradecer a visita e avisar que já atualizei! Paz, saúde e que Deus nos ajude! Boa semana! Nilza

Regina Rozenbaum disse...

Lisette, amada!
Fiquei feliz dimaiiisss com sua visita. Não consegui carregar o vídeo e gostaria muito de vê-lo. Quanto a sua questão fico aqui pensando, principalmente no começo do ano, quando temos que pagar IPVA entre tantos outros impostos os motivos que os milhõe$$$ de reais recolhidos não são revertidos nas estradas (maior segurança, pavimentação decente) e vias de nossas cidades?!E para receber o seguro pós acidente??? Uma luta em meio a burocracias... Vivo isso com pcs no hospital...INACREDITÁVEL!
Beijuuss n.c.

Eliane Furtado disse...

A vida é tão preciosa, que quase ninguém se dá conta.

angela disse...

Triste esse descuido, muito triste.
beijos

Marinha disse...

Perdas irreparáveis!
Bjo e paz, amiga.

Bandys disse...

Lisette,

Cada vez que leio uma noticia dessa o coração fica partido.

Beijos e a luta continua.

Pérola disse...

Vim te deixar o meu bom dia amada.
Beijos.

Sonhadora disse...

Minha querida

Hoje passando apenas para te deixar um carinho e um beijinho e agradecer a amizade.

Sonhadora