Translate

terça-feira, 17 de abril de 2012

Cidades recordistas em acidentes de moto terão capacitação do Detran-PE

Aulas fazem parte das ações propostas pelo Comitê de Prevenção (Cepam).

Capacitação passa por temas como ética, meio ambiente e legislação.
Acontece nesta terça (27) e quarta-feira (28), no Recife, a formação de multiplicadores do programa Educação de Trânsito de Pernambuco. O grupo é composto por agentes de trânsito e professores dos dez municípios pernambucanos com maior incidência de acidentes com motocicletas: Araripina, Brejo da Madre de Deus, Caruaru, Cupira, Garanhuns, Petrolina, Pombos, Recife, Salgueiro e Serra Telhada. O curso será ministrado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e a ideia é que essas pessoas virem multiplicadoras.
As aulas fazem parte da ampliação da educação de trânsito como forma de combater os acidentes com motocicletas, proposta pelo Detran junto ao Comitê de Prevenção de Acidentes com Motocicletas (Cepam) e acontecem na terça (27) e quarta (28), no bairro da Iputinga, no Recife. A capacitação conta com doze horas de aulas, passando por temas como ética, cidadania, meio ambiente, legislação, segurança de trânsito e socialização de projetos. Após a capacitação, serão distribuídos 100 kits pedagógicos.
Maior emergência de PE teve quase 30 mil vítimas de motos em 10 anosEm PE, hospital usa maternidade para atender homens feridos em colisõesMunicípio do Sertão de Pernambuco é recordista em acidentes com motosCidade do Sertão de PE está há oito meses sem acidentes de moto fatais Os acidentes de moto no Brasil representaram 30,6% dos casos de óbito por causas externas com transporte terrestre em 2010, de acordo com o Sistema de Informação de Mortalidade (SIM), criado pelo Ministério da Saúde em 1975 para obter regularmente dados sobre mortalidade no país. Na maior emergência de Pernambuco, o Hospital da Restauração, quase trinta mil vítimas de acidentes de motocicleta foram atendidas entre os anos de 2000 e 2010. Entre os pacientes do HR, 30% assumiram para os médicos ter ingerido bebida alcoólica. Estavam sem capacete 27% deles e 77% não tinham carteira de habilitação. Muitos vieram do interior.
De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), um paciente de moto custa mais de R$ 150 mil ao serviço de saúde dentro do hospital. Contando o socorro, a licença médica, a aposentadoria, o gasto é de quase um milhão. Os médicos avaliam que em torno de 12% das pessoas que chegam vêm com um braço ou uma perna que já não tem qualquer condição de cumprir a sua função no corpo depois do acidente.

Fonte : g1, 2012

34 comentários:

ONG ALERTA disse...

Educaçáo é o que mais falta no tränsito!!!

Desnuda disse...

Lisette,

Com certeza é preciso de mais e mais iniciativas de educação no trânsito. Acho também que apesar de ser um meio de transporte rápido e econômico não é um meio seguro...

Beijos com carinho

lucidreira disse...

Além disso também tem que colocar na cabeça desses jovens que a moto é um veículo muito perigoso e traiçoeiro, digo por experiencia própria.
Abraço

lenalima disse...

A verdade é que nossas estradas e ruas não suportam mais tantos veículos...onde vamos parar!?

educação no trânsito zero, ninguem mais se respeita , todos se acham donos das ruas!


bj

Flor de Jasmim disse...

Lisette querida
É também importante que essas aulas sejam para colocar em prática e se obedeça a elas.
Esperamos que sim nunca é demais aprender, demais estão a ser as vidas que se perdem nas estradas.

Beijinho e uma flor

Camila Monteiro disse...

É Lizette, os motoristas e motoqueiros estão cada dia mais doidos! Algo tem que ser feito urgente para melhorar isso!
Bjos

Verinha disse...

Obrigada por sua visita.Muita paz.Beijos de luz

Smareis disse...

Precisando de lei mais rigidas, se não nada resolve. Perdi um grande amigo num terrivel acidente de moto por falta de concientização no transito.

Beijos e ótima semana.

Maria Célia disse...

Lisette, Tudo Bem?
Vim para lhe dar um abraço.
Maria Célia

Bruxa disse...

Olá!
As leis aqui, infelizmente não são para punir ou orientar. A maioria visa "lucro", lucro nas multas, lucros pessoais.
As leis tinham que ser rígidas com todos os infratores, independente de carro ou moto. Dinheiro o governo tem pra fiscalizar isso, mas falta boa vontade.

Que Deus abençoe vc e sua família.

Abração.

Anne Lieri disse...

Lisette,em Sampa deveriam ter esses cursos tb!Poderia ser nas escolas ou mandar um professor de cada escola que depois repassaria aos outros.É muito importante ter essas informaçoes!Bjs e meu carinho!

Renata Diniz disse...

Lisette. Isso mesmo, educação é o que mais falta. Beijos!

Marilu disse...

Querida amiga, você não tem ideia como os motoqueiros andam aqui em São Paulo, na maioria das vezes eles provocam os acidentes, são totalmente irresponsáveis. Precisa-se realmente de educação no trânsito. Beijocas

ELAINE disse...

Educação para o trânsito, educação para a vida! Parabéns pela postagem! Seja sempre bem-vinda! Grande e carinhoso abraço! Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

Sónia M. disse...

Olá Lisette!
Uma excelente iniciativa!
A educação faz falta em todos os sentidos, seja nas estradas, seja em tudo o que se faz no dia a dia...na vida!

Também eu perdi uma grande amiga, que cruzava a pé uma estrada, no local indicado para o fazer, numa passadeira! A irresponsabilidade dos automobilistas é cada vez mais assustadora...

Lisette receba um abraço e um beijo meu, desejo que Deus de alguma forma, lhe traga paz à sua alma...

Sula de Oliveira disse...

Achei super interessante o seu blog. Coloquei nos meus favoritos, vou ler com calma...
Obrigada pela visita... bjs

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti minha amiga, muita paz e muita poesia pra alimentar a alma...beijos e beijos.

Lua Negra disse...

Educação temos que falar sempre e sempre sobre isso, para vê se gruda como chiclete nos motorista.
Tenha um bom dia amiga.
Beijinhos de paz.
Lua.

Elaine Cristina disse...

Obrigado Lisette , pelo carinho da visita!

Esta questão de educar o trânsito no Brasil não tem muito retorno dos motoristas e motociclistas.
É muito triste como se fala tanto e se mostra tanto os resultados em campanhas e telejornais e ainda assim são sempre mais acidentes.
E a maioria dos casos é a combinação álcool-direção.

Um feliz fim de semana para ti!
Bjs

http://claudiaymarques.wordpress.com/ disse...

Lizzete o problema é que tem muito carro e moto na rua...os jovens abusamm,principalmente as motos...elas se ariscam mais que deveriam...Não sei comos eria melhor a educação no transito...é algo muto complexo...muitos beijos..boa quinta feira
titi

LUCONI disse...

Lisete aqui em em minha cidade, todo acidente tem moto envolvida, é moto com moto, moto com bicicleta, moto com carro, moto com ônibus, dificil muito dificil termos carro com carro, trabalhei no PS e as motos ganhavam de longe em números de acidentes. Fiz um poema lembrando-me desta tua luta,

TRÊS CRUZES NA ESTRADA

Três pequenas cruzes,
foi o resultado fatal,
por eu me achar o tal.

A vida aproveitar,
um bom gole,
uma cheirada.

Depois poder voar,
na moto asas criar,
o perigo desafiar.

Então, de repente,
sinto-me dormente,
tudo acontece rapidamente.

Pior castigo não existe,
de três inocentes a vida findar,
a minha ter que continuar.

Deus quis que eu vivesse,
que meu erro enfrentasse,
há de ter um propósito.

Já não bebo,
já não cheiro,
fugir da realidade não vou.

Três cruzes na estrada fincadas,
três cruzes a mim atadas,
três cruzes pra carregar.

Por mais que semeie flores,
e ninguém mais veja as cruzes,
eu saberei que estão lá.


Luconi
12-04-2012

Antônio Lídio Gomes disse...

Minha amiga, vamos torcer para que as autorudades consigam seu intento.
O resto é com os próprios motoqueiros.
Beijos.

Bandys disse...

Lisette,
Educação é tudo.

Agora mais dois feriados dia 21 e aqui no rio dia 23. rezando pra que não tenha acidentes com mortes, o que ja é uma grande coisa.

beijos

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa Tarde Amiga!
Hoje em especial
Parei um pouquinho
Para trazer o meu carinho.
E apenas lhe dizer muito simplistamente,
Muito Obrigado!
Obrigado por tudo, que Deus esteja sempre com você hoje e sempre e sempre...
Com todo o meu carinho o meu grande Abraço.
Maria Alice

Lilá(s) disse...

Não tenho duvidas de que educação é o que mais falta, mas é importante insistir.
Bjs

Leonice disse...

Aulas de educação no transito são sempre bem vindas, pena que bem poucos a colocam em prática!
Um abraço com muito carinho!

* Nanda * disse...

até que em fim
espero que isso seja o inicio
de mais educação no transito
linda noite bjs
http://diariodevocional2012.blogspot.com.br/

Mabel disse...

Olá querida! Obrigada por sua visita ao Mensagens do Anjinho! Bom final de semana! Paz e Bem! Beijos Mabel

Alexandra disse...

Obrigada pela visita! Seu blog é nota 10! Acabo de atualizar!Passa lá! Beijos e bom fim de semana! Alê

Luciana Santa Rita disse...

Oi Lisete,

Tudo bem? Analisei o seu blog e admiro-a em todos os sentidos, como mãe e como cidadã.

A questão do motoqueiro hoje em qualquer cidade é uma questão que merece destaque, seja pelos acidentes ou pela falta de normas.

Beijos.

Lu

Gracita disse...

Que linda iniciativa...Faz-se necessário um intenso trabalho educativo para conscientizar a população dos perigos desse trânsito caótico. ONG ALERTA... Parabéns! Aplausos... muitos aplausos! São pessoas como você que nos fazem crer que as pessoas podem se humanizar.
um abraço
Gracita

Evanir disse...

O grande amor que há numa grande amizade
significa mais do que as palavras podem dizer
porque uma grande amizade é um milagre que abençoa
os dias que temos para viver.
Um dos milagres da minha vida
é simplesmente, ter conhecido você.
Um feliz final de semana
obrigada por fazer parte a minha Viagem.
Beijos no coração.
Evanir..

Lilazdavioleta disse...

Quando o respeito pela cidadania, meio ambiente, legislação,
ética , todo o resto vem atrás .
O melhor sítio para se conhecer uma pessoa é montado ou dentro de uma máquina .

Um beijo Lisette

Carla Fernanda disse...

Amiga querida em lindo final de semana!!

Beijos!