Translate

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Desrespeito ao Código de Trânsito

Motoristas que cometem uma infração atrás da outra. A repórter Graziela Azevedo mostra que muitos brasileiros não conseguem dirigir por mais de cinco minutos sem desrespeitar o Código de Trânsito..
Um motorista ignora o aviso e entra na contramão. Outro dá marcha a ré no meio da pista. Um terceiro para no meio da rua para conversar.
Muitos não respeitam a faixa de pedestres. O carro fecha o ônibus. O ônibus fecha o carro. O motoqueiro vai costurando todo mundo.
Muito desrespeito e pouca punição. Uma pesquisa feita em São Paulo revela que, em média, apenas uma em cada 17 mil infrações é punida com multa. Os erros mais cometidos pelos motoristas são os que a fiscalização mais deixa passar.
Com olhares atentos, uma equipe de especialistas em trânsito monitorou por cinco minutos, ou dois quilômetros, o comportamento de 628 motoristas. Nesse espaço curto, 81% cometeram, ao menos, uma infração.
Ao longo de um ano inteiro apenas 36% dos mesmos motoristas foram multados.
“O processo de fiscalização ele tá comprometido, tá falido. Se você tem um altíssimo índice de infrações e esses veículos não tem multas no período de um ano, alguma coisa precisa mudar”, explica Horácio Augusto Figueira, da Associação Brasileira de Medicina do Trânsito.
Deixar de usar a seta para mudar de faixa ou fazer conversões foi o erro mais cometido.
“Não tem nem como dar seta, você já está na pista de virar”, justifica um motorista.
“Eu vou entrar ali, no supermercado”, explica outro.
A segunda infração mais cometida foi o avanço do sinal vermelho.
“Às vezes esquece, está muito atordoado, toma no farol vermelho”, conta um motorista.
Ensinar melhor também é fundamental, como mostra a psicóloga de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Há dez anos, quando o novo Código de Trânsito entrou em vigor ela constatou que a maioria dos motoristas não conhecia as leis e placas de trânsito. Agora ela repete o teste.
“Qual a diferença dessas duas placas de pare?”, pergunta a psicóloga.
“Uma é vermelha outra é amarela”, responde um motorista.
Mesmo quem é motorista profissional há 18 anos comete erros.
"Na vermelha você pára, a amarela é de advertência, você está sendo avisado de que na frente você vai parar”, explica a psicóloga.
“Ah, tá. Tinha esquecido”, responde o motorista.
“Código foi mudado, mas não ainda os motoristas”, aponta a psicóloga.
E enquanto esse comportamento não mudar as cenas de infrações vão se repetir e outras terminarão em acidentes.
Fonte: http://jornalnacional.globo.com/

22 comentários:

ONG ALERTA disse...

A maioria dos motoristas nem conhecem o gódigo de tränsito, acham que sabem tudo e fazem como entendem ser melhor para eles...
A responsabilidade é de todos!!

Luis Nantes® disse...

Perdoe-me, mas não é um simples código que vai fazer um bom ou mau motorista... São vários fatores muito além de um simles código, por exemplo: Leis duras e que tem que ser cumpridas e nada de alternativas, ok?
Beijos

Misturação - Ana Karla disse...

Os motoristas que precisam mudar.
O código é bom, porém, todos tem que fazer sua parte e a fiscalização meter a "caneta". Quando começar a pesar no bolso, e a carteira for aprendida, pode ser que melhore.

Tenho carteira há mais de vinte, mas vi no trânsito esses últimos dias, um carro com adesivo do Detran, que dizia, habilitado em experiência.
Entendi que, daqui um ano, ele tem que andar na linha, para obter a habilitação definitiva.
Será que melhora assim também?

Xeros

Maria José disse...

Neste Natal vamos multiplicar amor.
Que sejamos portadores de paz.
Que possamos dar afagos, carinho, bálsamos de alívio, força e luz a todos aqueles que necessitam.
Que possamos germinar o amor entre as pessoas, fazendo-os fortes em meio à tempestade.
Neste Natal e em todos os dias de nossas vidas, desejo que a Paz e a Harmonia encontrem moradia em todos os corações. E que o Natal seja mais um momento em que as pessoas acreditem que vale a pena viver um Ano Novo.
Feliz Natal, Feliz 2011.

Marinha disse...

Chocante tudo isso, Lisette!
E enquanto a maioria segue com esse comportamento "arrogantemente ignorante" e têm certeza da impunidade, seguimos perdendo nossos jovens, nossos amigos. Infelizmente, a vida segue valendo pouco.
Bjo, querida.

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

OI LISETE PASSANDO PARA DEIXAR UM BEIJO!

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Lisette,


Vim avisar que estou saindo de férias do Jardim e que só volto no mês que vem.
Desejo que seu Natal seja abençoado e repleto de paz, e que Deus lhe abençoe constantemente no ano de 2011.

Deus seja sempre contigo!
Um beijo no coração!

http://www.youtube.com/watch?v=aiE5wJjwn68

Mimo Chic disse...

concordamos com vc , isso esta se tornando uma loucura!
bjs
Lulu & Sol

Toninhobira disse...

Um relato terrivel amiga, mas a educação ao transito é mesmo algo a perseguir e empurrar goela abaixo até que os condutores tomem consciencia do perigo que é nosso transito.No linguajar do povo,se diz que crime de transto nao dá cadeia e por ai vamos enfrentando esta selva.Que Deus nos proteja sempre, pois é cada dia pior.Voltar pra casa é como ganhar um campeonato.Meu abraço de paz e minha admiraçáo pela luta. Beijo de luz nos seus dias.

Renato Baptista disse...

Mais um ano cheio de poesia
Algumas tristezas, muitas alegrias
Versos e prosas encantando nossas vidas
E a certeza de que as amizades preciosas
Elevam a alma, erguem o nosso dia a dia.

Que o Natal seja lindo para você e os seus
E que 2011 seja um ano de muita Paz, Saúde e Felicidade.

Agradeço profundamente pelo companheirismo
e pelo constante apoio e carinho para com as minhas letras.

Feliz Natal e Um Super 2011 para você.

Renato Baptista

Pérola disse...

Beijos minha linda.

M@ria disse...

Ele testemunhou diversas primaveras
com botões eclodindo em fragrâncias e tonalidades,
colheu manhãs azuis, diáfanas, suaves,
envolvido pela brisa perfumada.

Fátima Guerra

Beijos & Flores & Poesia...M@ria

Marcos Campos disse...

Olá Lisete!
Gostei muito do blog, e fiquei comovido com a história...
Aqui em Campinas, como em quase todo o País, sentimos as dificuldades de dirigir num transito cada dia mais complicado e perigoso.
Um beijo!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lisette, venho desejar um Feliz Natal e que 2011 lhe seja bom.
Um beijo,
Renata

Aмbзr Ѽ disse...

vim desejar antecipadamente um feliz natal e um 2011 cheio de felicidades.
estou saindo de férias mas sempre que possivel, virei ler vc.
abraços fraternos.

http://terza-rima.blogspot.com/

✿Lady✿ disse...

Não sei o que o ser humano tem na cabeça, porque esperar acontecer o pior para mudar de atitude?
Desejo que seu fim de ano seja de muita paz e luz, e que 2011 seja um ano de vitórias.
Bjs

Bandys disse...

Oi Lisette,

E continuamos na luta!!

Um beijo no seu ♥

Eliane Gonçalves disse...

Passo para desejar uma boa noite...bjo

Nina disse...

Ei, passando aqui para avisar sobre a minha nova postagem.
Foi uma pequena entrevista que fiz com o Webmaster da UOL, Diego Quinteiro.

Confira e deixe sua opinião.

Agradeço!

Abraços de NINA

Lilá(s) disse...

Tudo isso assusta um cidadão responsável...
Bjs

Mimirabolante disse...

Está impraticável se andar de carro...ninguém respeita ninguém....infelizmente.....Feliz Natal!!!!bjcas

Daniel Savio disse...

Sabe o que é pior,em termos de segurança, temos uma piramide que mostra que os desvios são a base da piramidade que culmina num acidente.

Tem a proporção de trinta mil desvios para causar um acidente.

Os devios são quebra de regras, procedimentos e por ai, sem cuminar em nenhum acidente.

Fique com Deus, menina Lisete.
Um abraço.