Translate

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Uma morte a mais por dia: mapa detalha acidentes no trânsito gaúcho em 2010

Levantamento mostra aumento das mortes no Estado e concentração na Região Metropolitana
Juliano Rodrigues, Luiz Daudt Jr. e Rafael Colling
A cada 24 horas, pelo menos quatro pessoas morrem em acidentes no Rio Grande do Sul. Desde o início do ano, são 425 vítimas.
No mesmo período de 2009, a Rádio Gaúcha contou 336: média de três por dia.Nesta quinta-feira, zerohora.com apresenta esse levantamento de uma forma inédita, por meio de um banco de dados que traça o mapa da violência no trânsito.
Os números podem não corresponder a estatísticas oficiais e são baseados em informações de reportagens do Grupo RBS. Veja o mapa clicando aquiO mapa mostra a concentração de vítimas na Região Metropolitana e rodovias federais. São, ao todo, cem mortes em municípios da Grande Porto Alegre. Somente na BR-116, 38 pessoas perderam a vida. Nas estradas estaduais, a que tem mais mortes é a RS-122, com 12.
Mais da metade dos acidentes são entre motocicletas e caminhões, além de atropelamentos.
A maioria ocorre à noite (52%) e vitima pessoas do sexo masculino (78,35%).
As ocorrências mais comuns são capotagens e choques de veículos em placas de sinalização, postes e árvores.
Rodovias com maior número de vítimas fatais:
1) BR-116 / 38
2) BR-386 / 29
3) BR-290 / 21
4) BR-285 / 19
5) RS-122 / 12
Perfil dos acidentes:
Homens: 333 (78,35%)
Mulheres: 92 (21,75%)
Rodovias federais: 151 (35,52%)
Rodovias estaduais: 137 (32,23%)
Perímetros urbanos: 137 (32,23%)
Vítimas por veículos envolvidos em acidentes fatais:
Carros — 197 (46,35%)
Caminhões — 96 (22,58%)
Motocicletas — 87 (20,47%)
Ônibus — 19 (4,47%)
Bicicletas — 19 (4,47%)
Tratores — 5 (1,17%)
Carroças — 2 (0,47%)
Noite — 221 (52%)
Dia — 204 (48%)
Ocorrências:
Capotagens e colisões de veículos em árvores, postes, placas e pedras — 138 (32,47%)Atropelamentos — 103 (24,23%)
Colisões entre carros e caminhões — 47 (11,05%)
Colisões entre motocicletas e carros — 39 (9,17%)
Colisões entre carros — 32 (7,52%)
Colisões entre motocicletas e caminhões — 31 (7,29%)
Outros (carroça, trator e sem identificação) — 21 (4,94%)
Colisões entre carros e ônibus — 10 (2,35%)
Colisões entre ônibus e motocicletas — 3 (0,70%)
Colisões entre caminhões — 1 (0,23%)

21 comentários:

ONG ALERTA disse...

Com todas estas informações, os órgãos responsáveis poderiam fazer algo para melhorar estas estatisticas?
Em muitos nem existe engenheiro de trânsito, saõ só cargos de confiança...

Teresa Aragão disse...

Querida Alessandra,as pessoas brincam com a vida...um caso horrível aconteceu aqui na minha cidade,um jovem perdeu a vida num desastre , estava sem cinto e banco era inclinado.Muita loucura desses jovens! no meu blog tem as fotos chocantes da tragédia e do enterro.Pode pegar se quiser,esta é a minha colaboração para alertar principalmente os jovens que com a vida não se brinca de carro! bjss

Julio Cesar disse...

Olá...nossa!...eu não entendo como a segurança avança, as informações idem...e ainda assim as pessoas continuam morrendo e matando em acidentes de carro! Lidam com a vida como um fio de cabelo, e como se pudessem levar ao cabelereiro ou por uma peruca para reparar o estrago.
Triste...
triste que as pessoas não vejam a vida pelo angulo que deveriam...

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Carros a cada dia mais "possantes",seres humanos a cada dia mais donos das pistas e o que era para ser conforto se transforma em arma contra a vida!!

Um beijo!

Sonia Regina.

ValériaC disse...

Quanta tristeza, quantas vidas perdidas, quantas vidas sofridas...com todos estes dados...algo tem que ser feito urgentemente pelas autoridades...
Beijos...

Mariana disse...

Estes dados são assustadores,e alarmantes.
Devemos cobrar dos candidatos, e fazê-los se comprometer para o pr´ximo mandato q está chegando.

Pedrasnuas disse...

HÁ QUALQUER COISA ERRADA...FALO DAS MORTES POR NEGLIGÊNCIA ...PARECE QUE AS PESSOAS QUEREM MESMO MORRER...SERÁ? ESTARÃO TÃO VAZIAS,FARTAS DA VIDA,CANSADAS?

ESTAREI ERRADA?

BEIJINHO AMIGO

Lilá(s) disse...

Estes dados assustam! é uma realidade alarmante sem dúvida.
Bjs

Olavo disse...

Infelizmente perdi um filho nessas estatisticas..
Abraços

Tania Girl disse...

e infelizmente tudo continua sempre a mesma coisa.. e quando muda só muda para pior.
bjos

Carlos Augusto Matos disse...

Infelizmente esta é uma realidade...

Bjuxxxx

Jaque Gonchoroski ઇ‍ઉ disse...

Oi Alessandra.
Sinto muito pela sua filha... Uma pena que um projeto tão importante tenha surgido em uma situação dolorida e triste.

Ela é linda. Parabéns pela iniciativa. Acredito sim que seja uma maneira de transformar a dor e fazer as pessoas tomarem consciência.

Força e siga em frente. Sei que nada fará com que ela volte, mas você está fazendo a sua parte.

Um bom final de semana e obrigada pela visita no blog :)

Priscila Rodrigues disse...

Nossa.. é preocupante e assustador. Vendo todos seus posts por esses dias, confesso que estou mais atenta, comigo e com os outros em minha volta.

Estive olhando seus vídeos, confesso que me emocionei com um onde estavam 4 garotas e a motorista passando mensagem no celular. Queria entender que aquele bebê morreu, que dó que me deu, mesmo que seja montagem o real é exatamente isso.

É triste..

Bom fds, querida.. um beijo.

Celina disse...

é amiga por mais que se avisem do perigo parecem não acreditarem, derigem alcoolisados botando em risco a sua vida e a dos outros, como se tivesem sete vidas. parabens amiga por se importar,pela sua cempanha, de não querer para os outros o que aconteceu a vc . grande coração, um abraço carinhoso celina

Sandra disse...

SIM ESTÁ UMA VERDADEIRA LOUCURA ESTE TRANSITO. NO MUNDO TODO..

VENHO RETRIBUIR CARINHOSAMENTE O SEU CARINHO. DIZER QUE MINHA AUSENCA É EM FUNÇÃO DO MEU TRABALHO..ESTOU TRABALHANDO NOS TRÊS PERÍODOS.
SEM TEMPO DE BLOGAR. SOMENTE NOS FINAIS DE SEMANA, SE POSSIVEL.

PEGUE O SEU SELO OURO NO BLOG
http://sandraandrade7.blogspot.com/
ELE FICARÁ LÁ TE ESPERANDO.
CARINHOSAMENTE
SANDRA

SE FOR POSSÍVEL VISITE O BLOG INTERAÇÃO DE AMIGOS.BOM FINAL DE SEMANA.
ATÉ MAIS

Suziley disse...

É, Lisette, as autoridades públicas brincam com as vidas humanas...uma lástima..sou favorável que não se vote em ninguém. Que se faça um movimento para acabar com os políticos que, aí, estão. Com a obrigatoriedade do voto. Você ouviu (mesmo não sendo uma morte no trânsito) sobre a morte daquele jovem de 21 anos que levou um baita choque na parada do ônibus na Avenida João Pessoa?! Que absurdo!! É duro de aguentar...mesmo assim, um bom dia, um bom sábado, um bom final de semana, Lisette!!Beijos, :)

Rebeca Postigo disse...

Tantas variantes impedem que coisas sejam feitas...
Espero que não seja necessário muitas mortes mais para se tomar uma atitude...

Bjs

Maysha disse...

Infelizmente é o mundo em que vivemos, onde nada se muda para melhorar as coisas.
Beijos

Ana Martins disse...

Boa noite Alessandra,
são números verdadeiramente preocupantes, as pessoas têm tendencia a pensar que certas coisas só acontecem aos outros, e como estão enganadas!!!!

Beijinhos,
Ana Martins

"Cantinho Poético" disse...

Estes dados são assustadores,e alarmantes.

Feliz Domingo prá voce amiga!

Ricardo Conceição disse...

Os órgão públicos se interessam por números ou por vidas??/