Translate

sábado, 5 de dezembro de 2009

Convencendo os outros

Convencendo os outros
Um profeta chegou certa vez a uma cidade para converter seus habitantes.
A princípio, as pessoas ficaram entusiasmadas com o que ouviam. Mas – pouco a pouco – a rotina da vida espiritual era tão difícil, que homens e mulheres se afastaram, até que não ficou uma só alma para ouvi-lo.
Um viajante, ao ver o profeta pregando sozinho, perguntou: “Por que continuas exaltando as virtudes e condenando os vícios? Não vês que ninguém aqui te escuta?”
“No começo, eu esperava transformar as pessoas”, disse o profeta. “Se ainda hoje continuo pregando, é apenas para impedir que as pessoas me transformem”.
Fonte: g1, Postado por Paulo Coelho em 05 de dezembro de 2009 às 00:36

14 comentários:

ONG ALERTA disse...

Precisamos acreditar em nós para fazer os outros entenderem que precisam mudar, paz.

Silvia disse...

É verdade ..

Chica disse...

Bela mensagem! Ótimo fim de semana e esperamos, menos violento!

Alice disse...

Querida ....adorei teu blog, e muito mais tua visita...já sou sua mais nova seguidora ... e estou em opração para que Deus aumente a cada dia a tua força ...

beijos no seu coração

Silvia disse...

Infelizmente vivemos em uma sociedade individualista em que o bem-estar coletivo não vale muito.
Abraço

Sônia Silvino disse...

Não podemos desacreditar! Nossa crença, nossa força!
Bjkas e bom domingo!!!

angela disse...

Bonito isso de não desistir.
beijos

Graça disse...

Para sempre e para o alto, devemos 'avançar'...
Fazer como o profeta desse conto do Paulo Coelho, porque é isso que deve ser feito: nem que seja apenas para que não nos mudem, não nos façam descrer de nós mesmos, devemos anunciar o que é preciso anunciar e denunciar o que deve ser denunciado.
Parabéns pela força e pela luta!
Deus esteja sempre contigo.

angel disse...

Acreditar sempre que o mundo possa melhorar, que as pessoas possam se conscientizar, que as autoridades possam acordar, que os motoristas possam perceber que o que tem nas mãos é uma máquina mortífera se não usada com cautela.
Direção defensiva sempre.
Menos álcool, mais atenção e responsabilidade, mais vida.
Abraço
angel

Abdoul Hakime Goul Djounoubi عبد الحكيم گل جنوبی disse...

É verdade mesmo, se não acreditarmos em nós, quem acreditará?
Eu estava aler esses dias no blog de uma amiga que mora em Israel, que ela uma vez não atravessou a rua no sinal vermelho, ao contrário de todas as pessoas, e que a polícia surgiu de repente e multou a todos, mas ela, por ter sido a única a permanecer parada sem atravessar a faixa, depois que o sinal abriu, prosseguiu calmamente e rindo de todos os bobões que antes tinha rido dela. se fosse aqui no nosso país, creio que não sobraria neguinho nenhum com dinheiro suficiente para pagar as multas no fim do mês!
É interessante a tua preocupação com os outros. Uma vez também eu fui vítima de acidente, graças a deus não foi fatal. Hoje, eu sou muito responsável, mas é pensa que seja difícil encontrar quem tem mais cabeça e pensa igual. Parabéns e boa sorte!

Cadinho RoCo disse...

Existem profetas, profetas e mais profetas.
Cadinho RoCoi

Pelos caminhos da vida. disse...

Que o sol venha com sua luz e energia
lhe despertar para um novo "dia"!
Que seu dia seja abençoado com muita luz!
Hei!!! Sorria!
O soriso brilha, assim como o sol quando nasce: lindo, perfeito e contagiante!

Vim lhe desejar um domingo de muita paz!

beijooo.

Norberto Marques disse...

Boa semana amiga.. Abraço enorme :)

Norberto

Lisette Feijó disse...

Não podemos desistir, porque somos nós os responsáveis pela mudança...atitude!!!!!!!!!