Translate

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Acidentes nas estradas mineiras no feriado matam 43 pessoas

Foram registrados 674 acidentes, deixando 509 feridos em todo o estado.
PRF e Polícia Militar Rodoviária divulgaram balanço na manhã desta terça.
Ao todo, 43 pessoas morreram em acidentes nas estradas mineiras durante o feriado da Proclamação da República. Trinta e cinco pessoas morreram nas estradas federais que cortam Minas Gerais e oito nas estradas estaduais. Os balanços foram divulgados na manhã desta terça-feira (16). Minas Gerais tem a maior malha viária do país.
Foram registrados 674 acidentes nas rodovias, deixando 509 feridos em todo o estado. Nas rodovias federais que cortam Minas, 250 pessoas ficaram feridas em 434 acidentes Já nas rodovias estaduais foram 259 pessoas feridas em 240 acidentes. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar Rodoviária.
A Polícia Militar Rodoviária informou que, durante as operações realizadas nas rodovias estaduais, 245 motoristas inabilitados foram autuados e 29 pessoas foram presas por embriaguez ao volante.
Fonte: g1, 16/11/2010

30 comentários:

ONG ALERTA disse...

Os veículos tem novas técnologias e as nossas estradas continuam velhas...
Quem deve tomar uma atitude???

Luis Nantes® disse...

Oi amiga... Acho que vou discordar um pouco da sua teoria, tá? É triste, mas mais uma vez, o aumento das tragédias nas estradas... Quem conhece as estradas mineiras como eu, sabe muito bem que realmente não valem nada e são muito perigosas mesmo, tá? Então, como sabemos disso, devemos nos precaver ao viajarmos... Não podemos atribuir culpas somente nas estradas ou falta delas, tá? Temos a nossa também e bastante grande...
Já as novas técnologias automotivas, veio para ajudar por um lado e trapalhar por outro, pois o usuário atribui estabilidade e segurança além do permissível e abusa dos recursos avançados da técnologia... Aí sabemos o resultados, certo?

Mila disse...

Acho que mais importante que concordar ou discordar é o fato que 43 pessoas se foram e suas famílias estão sofrendo, só sabe isso quem vive uma perca, perdi uma amiga, uma irmã esses dias... o importante também é ver onde está o que favoriza esses acidentes, se são as estradas ou não...só acho que vários acidentes não podem ser apenas falhas humanas...aqui na minha cidade, no feriado, eu sai e passei por três acidentes, um por falta de sinalização, fizeram uma obra para colocar iluminação mas não colocaram placas luminosas avisando, então o carro colidiu com os postes recém colocados em um lugar jamais imaginado, tanto que quando passei chamei de louco quem fez aquilo, era uma avenida enorme e a dividiram sem sinalização, com poste ao meio...triste!
Outros acidentes porque o motorista estava bebado...

É isso aí!

Bjs querida!

Mila

Sonhadora disse...

Minha querida

Pior que uma guerra.

Deixo um beijinho e o meu carinho
Sonhadora

Sandra Botelho disse...

As rodovias mineiras não são nada boas, mas os motoristas tbem são imprudentes...Bjos achocoaltados

Aleatoriamente disse...

Sabe querida, ler estas coisas doem na alma.
Queria mais prudência.
Entre os pedrestes e os condutores.
Mas vejo nas ruas na maioria das vezes os motoristas desviando os carros dos pedestres.
Isso tudo é falta de educação.
Entre um e outro.
Fora as estradas que estão uma verdadeiras crateras.

Beijinho.
Fernanda.

Karlinha Ferreira disse...

É complicado...
Falta de atenção imprudencia...
Muitas vidas perdidas...

Gostei do blog,
tow te seguindo...

beijo

Daniel Savio disse...

E nós temos de cobrar esta atitudes do governo...

Fique com Deus, menina Lisette.
Um abraço.

Anne Lieri disse...

Parece incrivel que com tanta propaganda,multa e tal as pessoas continuam a beber ao volante e causar acidentes!Muito triste isso!Bjs,

Livinha disse...

Quando houver justiça neste mundo, quem sabe tudo possa mudar...

Bjs

Livinha

Anng disse...

Achei muito legal o seu blog.
É bom para as pessoas se ligarem de como a violência no trânsito só aumenta a cada dia.
Beijos querida.
Seguindo.

Machado de Carlos disse...

O trânsito tomou conta do mundo. Acho que o ser humano ainda não conseguiu ter consciência disso!

Um grande abraço!

Graça Pereira disse...

Toda a gente gosta de feriados e fins de semana prolongados mas...aí, como aqui, trazem tb um grande número de acidentes fatais... não sei se é a pressa de chegar ou se é completamente falta de cuidado!
Beijo
Graça

Nilce disse...

Oi Lisette.
Infelizmente mais e mais tragédias.
Muita luz e paz para você.

Bjs no coração!

Nilce

piedadevieira disse...

Infelizmente só vemos tragédias. Pagamos altíssimos impostos e nada é feito para melhorar.
Beijos

Tania T. disse...

O governo, é claro!!

=/


E as pessoas também devem colaborar...

Malu disse...

Oi , Lisette

Parece que essa tragédia não tem fim ...
É um conjunto de fatos , embriaguez , irresponsabilidade , estradas praticamente abandonadas.
Mas , ainda acho ,que, se houvesse uma maior conscientização da arma que é um veículo , conseguiríamos reduzir tudo isso .
Ao menos um pouco.


Bjo com carinho e uma Noite de Paz.

Daniel disse...

Nesse caso, com toda a certeza, o poder publico! Tem texto novo no Sub Mundos. Bjus.

http://submundosemmim.blogspot.com

Marinha disse...

E a cada dia perdemos mais pessoas nessa guerra onde as armas são a imprudência e os carros.
Um beijo carinhoso, querida.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

A cada final de semana prolongado
já sabemos que estas serão
as notícias.
Aí vale perguntar:
- até quando?

Sua amizade é preciosa para mim

Putz disse...

TEM GOSTO PRA TUDO.

Lívia Azzi disse...

E foi pior que o carnaval que acontece em dois dias a mais...

Muito triste.

Beijo!

John disse...

Os acidentes nas estradas é um fato normal nos nossos feriadões, infelizmente a população não se conscientiza que somos os únicos beneficiados das tragédias, não são os vereadores, os prefeitos, os deputados estaduais, o governador, os deputados federais e senadores ou o presidente, nós somos os únicos prejudicados, portanto acredito que devemos ter consciência de que é a vida de nossas famílias que estão em jogo quando ultrapassamos os limites de velocidade ou não fizemos as devidas manutenções nos nossos veículos, e a culpa dos nossos governantes é de não melhorar e acabar com as estradas perigosas existentes no Brasil.

João

http://verdadescaxias.blogspot.com/

Carlos Augusto Matos disse...

A culpa não fica só na estrada, falta educação ao nosso motora...Mas... Aqui é a terra sem lei, não adianta consertar as estradas se o motorista é mal educado...Enfim...

Bjuxxx querida...

Silenciosamente ouvindo... disse...

Amiga obrigada pela sua visita
ao meu blogue.
Beijinhos/Irene

Dalva Maria Ferreira disse...

Eu também agradeço as suas palavras sempre generosas lá no meu Poesias Soltas. Quanto às estradas mineiras... ai ai ai. Eu sou mineira, e sei o quanto aquilo lá é abandonado à própria sorte, ou ao próprio azar. Cobrar imposto é fácil, o difícil é reverter em obras públicas.

LAR DOCE LAR disse...

Lisette, obrigada por estar em mais um dos meus espaços.
Gosto de ver suas páginas e o que elas significam enquanto meio de comunicação.
Grande abraço

Valéria Sorohan disse...

Será que um dia isso tudo mudará?
Espero que sim.

BeijooO'

Aprendizes do Beija-Flor disse...

Olá Lisette.
Quando será que conseguiremos mudar esta triste realidade?
Abraços.
Maria Clara

brasildobem.net disse...

E daqui pra frente, com a chegada do final de ano, infelizemnte a tendência é piorar.
Bjs